Oração de Pedido à Nossa Senhora da Conceição

Imaculada Conceição, puríssima filha de São Joaquim e de Sant’Ana, vós fostes educada em um lar santificado pelas bençãos de Deus Todo Poderoso, que vos limpou da mancha original, a fim de que em vosso ventre se fisesse carne Seu Filho muito amado, Nosso Senhor Jesus Cristo.

Maria Virgem Santíssima, Mãe de Deus e dos homens, ouvi a prece (Fazer o pedido) e arrependido(a) de meus pecados, eu vos dirijo humildemente, confiante em vosso amor, em vossa bondade.

Senhora da Conceição, refúgio dos pecadores, lançai vosso olhar misericordioso sobre o meu lar, cobrindo com vosso puríssimo manto esta casa, defendendo-a dos ataques dos inimigos, visíveis e invisíveis, amparando meu marido (ou minha mulher), meus filhos, infundindo paz, contentamento, alegria nos corações de todos os meus entes queridos.

Guiai os meus filhos pela senda do bem, da virtude, da honestidade, mantendo-os fiéis aos ensinamentos de Vosso Divino Filho, Nosso Senhor Jesus Cristo, preservando-os do pecado, dos vícios, da má conduta, inspirando-lhes o amor ao trabalho.

Senhora da Conceição, o vosso grande servo, São Bernardo, disse que nunca se ouviu dizer que fosse desamparado quem houvesse implorado vosso auxílio. Tenho fé que também não serei desamparado(a), que houvires a minha prece e que lançareis sobre meu lar às bençãos que vos suplico.

Imaculada Conceição, ouvi o meu apelo.
Santíssima Virgem Maria, atendei-me.
Mãe de Deus, amparai-me a mim e a todos os de minha família.

Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós, que recorremos a vós. (Repetir três vezes).

História da Nossa Senhora da Conceição

Imagem da Nossa Senhora da Conceição O rio Paraíba, que nasce em São Paulo e deságua no litoral fluminense, era limpo e piscoso em 1717, quando os pescadores Domingos Garcia, Felipe Pedroso e João Alves resgataram a imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida de suas águas. Encarregados de garantir o almoço do conde de Assumar, então governador da província de São Paulo, que visitava a Vila de Guaratinguetá, eles subiam o rio e lançavam as redes sem muito sucesso próximo ao porto de Itaguaçu, até que recolheram o corpo da imagem. Na segunda tentativa, trouxeram a cabeça e, a partir desse momento, os peixes pareciam brotar ao redor do barco.

Durante 15 anos, Pedroso ficou com a imagem em sua casa, onde recebia várias pessoas para rezas e novenas. Mais tarde, a família construiu um oratório para a imagem, até que em 1735, o vigário de Guaratinguetá erigiu uma capela no alto do Morro dos Coqueiros. Como o número de fiéis fosse cada vez maior, teve início em 1834 a construção da chamada Basílica Velha. O ano de 1928 marcou a passagem do povoado nascido ao redor do Morro dos Coqueiros a município e, um ano depois, o papa Pio XI proclamava a santa como Rainha do Brasil e sua padroeira oficial.

A necessidade de um local maior para os romeiros era inevitável e em 1955 teve início a construção da Basílica Nova, que em tamanho só perde para a de São Pedro, no Vaticano. O arquiteto Benedito Calixto idealizou um edifício em forma de cruz grega, com 173m de comprimento por 168m de largura; as naves com 40m e a cúpula com 70m de altura, capaz de abrigar 45 mil pessoas. Os 272 mil metros quadrados de estacionamento comportam 4 mil ônibus e 6 mil carros. Tudo isso para atender cerca de 7 milhões de romeiros por ano.

  • Sincretismo da Nossa Senhora Aparecida: Oxum
  • Devoção da Nossa Senhora Aparecida: Padroeira do Brasil.
  • Data Comemorativa: 12 de Outubro.